Os Melhores Looks de Victoria Beckham em 2019

Um ano de misturas de cor inusitadas e, claro, silhuetas clássicas e cortes exímios. Por: ELLE Portugal Imagens: © GTRESONLINE.

Victoria Beckham é a prova de que (quase) três décadas são uma eternidade. Desde os tempos em que esta subia aos palcos de vários pontos do globo ao lado de Mel B, Mel C, Emma Burton e Geri Halliwell, o seu estilo mudou radicalmente e os crop tops, as saias igualmente mini – ou micro – e as silhuetas que abraçam o corpo abandonaram o guarda-roupa da ex-Posh Spice. Agora, são modelos clássicos e cortes exímios que completam o armário da designer, que não tem medo de usar cores. Ou mesmo de as misturar de forma inusitada. Quer dizer, quem disse que o lavanda e o vermelho não podiam formar um par? E que o roxo e o bordô não podem ser vistos lado a lado?

Ainda que a evolução tenha sido clara – e numa direção bastante oposta -, não existem arrependimentos por parte do antigo membro do grupo feminino dos anos 90. «Viram alguns dos coordenados das Spice Girls? Alguns dos looks eram bastante ousados», refletiu Beckham, em entrevista à Grazia. «Mas fizeram parte da minha jornada e tornaram-me no que sou hoje, por isso não me arrependo de nenhum deles. A vida é demasiado curta para nos arrependermos das nossas escolhas, no que à moda diz respeito», completou.

Tendências que não compreende

Mesmo sem querer entrar numa máquina do tempo e impedir-se a si própria de vestir determinadas peças, Victoria Beckham admitiu não perceber o que faz alguém vestir determinadas peças. Ainda que uma delas já tenha feito parte do seu dia-a-dia. Sim, segundo esta, os crop tops deviam ter ficado perdidos no passado.

Foi no programa da Ellen que, quando questionada quanto às tendências que não compreende, esta admitiu, instantaneamente, que esta peça não devia ter saído do baú. «Tenho reparado que muitas pessoas usam imensos crop tops», afirmou. «E sabes, outra coisa [que não compreendo]? Quando usam o casaco descaído, pousado apenas nos braços», adicionou, dando uma possível explicação para essa tendência: «Quem o faz, quer mostrar que não se está a esforçar». «Elas estão a esforçar-se demasiado para mostrar que não se estão a esforçar», comentou a apresentadora, depois de dizer «apenas usem o casaco ou não».

Victoria Beckham (quase) de volta às Spice Girls

2019 esteve demasiado perto de ser o ano em que Victoria Beckham se tornou novamente na Posh Spice. Contudo, acabou por ser apenas o ano em que a banda regressou aos palcos. Mas sem todos os membros do grupo. As prioridades desta mudaram ao longo do tempo e a ex-Spice Girl admitiu preferir «concentrar-se na família e na empresa». «Precisei de muita coragem, não por não me juntar à banda em digressão novamente, mas por ter de ser aquela que diz: ‘sabem, não vou fazer isto porque a realidade é diferente de antes‘», explicou à edição alemã da Vogue. Foi uma tour sem Beckham, mas com a sua benção.

Em vez disso, esta apostou no mundo da beleza. Em setembro, apresentou ao mundo a sua nova marca de maquilhagem. Esta procurou que a insígnia tivesse o menor impacto possível no ambiente, trazendo uma linha de produtos sustentável. Além de embalagens de cartão e uma necessaire reutilizável, os ingredientes são livres de toxinas e cruelty-free.

Na galeria, em cima, reunimos os melhores looks de Victoria Beckham em 2019.