Julianne Moore: «Teremos de fazer mudanças abismais para atingir a igualdade»

A paridade esteve em debate no Festival de Cannes. Imagens: © GTRESONLINE

Esta quarta-feira, 15 de maio, inauguraram os debates no Festival de Cannes. E foi numa dessas conversas sobre cinema que Julianne Moore falou sobre a paridade de género.

«Não iremos obter uma paridade de género a menos que todos estejam a cooperar. As mulheres não são uma minoria. Somos 52% das população global», declarou. «De modo a restaurar o equilíbrio, penso ser necessário tomar medidas para alterar a nossa cultura. Teremos de fazer mudanças abismais para atingir a igualdade. isto é um facto. Por isso, sim, acredito nas cotas. Acredito em tentar nivelar a indústria independentemente do género, cultura ou etnia», adicionou.

Segundo um estudo da Universidade de San Diego, 8% dos filmes mais vistos foram realizados por mulheres, enquanto no ano anterior foram 11%.