Emma Corrin Revela Ter Sido Hospitalizada Durante as Filmagens De ‘The Crown’

A atriz que interpreta Princesa Diana ficou internada após filmar dentro de uma piscina gelada. Por: Ana Margarida Fernandes Imagens: © Des Willie.

Se não tem estado a viver debaixo de uma rocha, com certeza já ouviu falar da série The Crown. O drama biográfico estreou em 2016 e desde aí a sua popularidade só tem vindo a aumentar, sendo uma das séries mais aclamadas pela crítica. A produção original da Netflix estreou neste domingo, 15 de novembro, a sua quarta temporada, na qual somos apresentados a Princesa Diana, interpretada por Emma Corrin. No entanto, para a atriz, as filmagens revelaram-se mais difíceis do que o esperado, tendo sido hospitalizada após um incidente durante uma cena em particular, que levou os seus níveis de oxigénio a ficarem muito baixos.

O que levou a atriz a ficar hospitalizada

Numa entrevista à Glamour, a protagonista falou sobre os desafios de filmar a tão esperada quarta temporada e confessou ter ficado doente após os dois meses de gravações em Espanha. Emma, que na altura estava a contracenar com John O’Connor, o Príncipe Charles na série, revelou que estavam a recrear a tour pela Austrália de Charles e Diana em 1983, quando acabou por ser levada para o hospital.

«Sou asmática e já estava doente há algum tempo, com tosse. Tinha de filmar uma cena numa piscina gelada. Foi a cena mais difícil de filmar, porque eu estava genuinamente a manter-me viva na água», frisou. «Era suposto voltarmos para o Reino Unido nessa noite e passámos por um hospital para buscar antibióticos». No entanto, houve uma ligeira mudança de planos: «os médicos fizeram-me um teste de oxigénio e afirmaram, ‘Não a podemos deixar ir embora, porque os seus níveis de oxigénio estão demasiado baixos’, por isso fiquei internada». A protagonista salientou ainda que toda a equipa hospitalar assegurou que não seria reconhecida: «As enfermeiras descobriram o que estava a filmar e disseram, ‘Gostaria que colocássemos uma caixa de cartão na sua cabeça para que ninguém a veja?’».