Oito Momentos Que Marcaram os Desfiles da ModaLisboa Multiplex

Do regresso de Fiona Bunnett à passerelle, ao 5º aniversário da marca de Luís Carvalho. Por: Vítor Rodrigues Machado -- Imagens: © Ugo Camera.

Depois de três dias, em que marcas, designers, e jovens criadores apresentaram as suas propostas para a primavera-verão 2019, chegou ao fim mais uma edição da ModaLisboa, e por esse mesmo motivo, é hora de fazer um balanço de tudo que mais marcante aconteceu durante o evento.

Em baixo, reunimos os oito momentos mais memoráveis desta edição da semana de moda da capital.

 

Cinco anos de Luis Carvalho

Ventos e tempestades (temos que ter em conta que o desfile aconteceu no mesmo dia em que o furacão Leslie passou por Lisboa) não foram suficientes para travar Luís Carvalho e a apresentação da sua coleção para a primavera-verão 2019. Afinal, esta (e ainda que todas sejam) era mais especial, já que assinalava o 5º aniversário da marca.

 

O Regresso de Fiona à passarelle

Depois de se ter afastado das passarelles, a icónica Fiona Bunnett voltou à ModaLisboa para desfilar para Patrick de Pádua (que desde a edição passada apresenta também uma linha feminina).

fiona patrick de pádua

 

Alexandra Moura volta a apresentar na ModaLisboa

Este terá sido, muito provavelmente, um dos grandes momentos do evento. Não só por marcar o regresso de Alexandra Moura à ModaLisboa, mas também por ser o primeiro acontecimento organizado em parceria com o Portugal Fashion, depois da assinatura do protocolo entre ambas as organizações.

 

Estreia de Constança Entrudo e Andrew Coimbra

Ao longo de 25 anos foram vários os designers que se estrearam na passerelle da ModaLisboa. Este ano, os dois principais estreantes foram Constança Entrudo (inspirada pelo trabalho artístico de Anne Collier) e Andrew Coimbra (que procurou refletir o espírito despreocupado de um verão na cidade).

 

Nuno Gama apresenta no Museu Nacional de Arte Antiga

Quando pensamos no MNAA (Museu Nacional de Arte Antiga) pensamos em pinturas como os Painéis de São Vicente de Nuno Gonçalves, ou O Julgamento Final de autor desconhecido. Não pensamos em modelos masculinos de fato ou calções de banho. No entanto, foi exatamente isso que aconteceu no passado dia 13, uma vez que este foi o palco escolhido por Nuno Gama para mostrar a sua linha de primavera/verão 2019.

 

Sharam Diniz na passerelle

Alguns anos após ter percorrido pela última vez a passerelle da ModaLisboa, a modelo luso-angolana (que atualmente está a gravar a nova novela da SIC, Alma e Coração) voltou a percorrer desfilar, vestindo peças da coleção da Cia. Marítima para a próxima estação quente.

sharam diniz

 

O regresso aos anos 2000 de Ricardo Andrez

Era para ser um desfile, sim, mas acabou por se tornar (também) no verdadeiro momento #tbt do dia. Para a coleção de primavera-verão 2019, o designer trouxe para a passerelle peças com estampados de cabeças de extraterrestres, caracteres orientais, e tie-dye, num verdadeiro revivalismo dos primeiros anos de 2000.

 

Gonçalo Peixoto provou que existem várias formas de usar rosa

Apesar de jovem (tem apenas 21 anos), Gonçalo Peixoto já deu mais do que provas que sabe muito bem o que significa ser designer de moda no século XXI. Esta coleção não foi exceção. A tornar tudo ainda melhor, mostrou-nos, através de uma vasta panóplia de materiais e texturas, que o cor-de-rosa se pode usar todos os dias.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

SS19 SHOW

Uma publicação compartilhada por Gonçalo Peixoto (@goncalopeixotoficial) em