#ELLEstaylocal: Seni Jewellery, A Marca de Joias De e Para Mulheres Empoderadas

Esta é um dos sonhos de Inês Esteves Seixas tornado realidade. Por: ELLE Portugal Imagens: © D. R.

Inês Esteves Seixas, a fundadora da Seni Jewellery, sempre teve uma paixão nada secreta por joalharia. Por isso, criar uma marca focada neste tipo de acessórios tornou-se natural. Em outubro de 2019, poucos meses depois de terminar o curso de Ciências da Comunicação, em Londres, decidiu tirar o projeto da sua gaveta de sonhos e dar vida a uma insígnia que «procura redefinir o que significa ser mulher». Agora, um ano mais tarde, está já presente em quatro lojas de norte a sul do país e espera colocar um alfinete noutros locais do mapa-mundo.

Inês Esteves Seixas, fundadora da Seni Jewellery.

O que te levou a criar este projeto?

Desde sempre fui apaixonada por joalharia e usei muitas joias em toda a minha vida. Adorava conjugar roupas mais básicas com joalharia para dar um look mais diferente, colorido e alegre.

Quando acabei o meu curso de Ciências da Comunicação, em Londres, em junho de 2019, decidi que estava na altura de seguir realmente o meu grande sonho de criança, criar a minha própria marca de joalharia! Estava um pouco receosa, mas acredito que quando se tem uma paixão tão forte por alguma coisa, conseguimos ultrapassar qualquer obstáculo que possa aparecer no nosso caminho! Foi aí que, então, comecei a minha pesquisa…

Qual é a história por trás do nome?

Eu queria que o nome da minha marca tivesse um significado especial. Depois de ter pensado em várias opções, até foi a minha avó que deu a ideia do nome “Seni” que é o meu nome em espelho. Sendo uma marca de joalharia da minha autoria, foi imediata e óbvia a escolha do nome.

O que foi mais complicado no processo de criar uma marca?

Tudo. Não tinha quaisquer bases de gestão ou familiares empreendedores. Tinha muito pouco conhecimento na área. Tive que dedicar muito tempo a ler livros, ouvir podcasts e fazer muita pesquisa de como criar uma marca do zero.

Sem dúvida alguma que outra parte difícil na criação da marca foi a procura dos fornecedores e parceiros certos.

Sinto que ainda hoje tenho muito para aprender e acredito que cada dia é uma aprendizagem.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Mix and match 💛

Uma publicação partilhada por Seni Jewellery (@senijewellery) a

Qual foi a razão para nunca desistires?

O meu grande amor por joalharia e a minha personalidade forte. Acredito no potencial da minha marca e acredito que vou conseguir chegar longe com esforço e dedicação. O feedback positivo e as palavras de força das minhas clientes são sem dúvida uma razão muito grande para nunca ter desistido.

Qual foi o melhor momento ou história da marca até hoje?

O melhor momento da Seni Jewellery, até hoje, foi sem dúvida algumas clientes que tenho comigo. Devo tudo a elas, sem elas nada era possível. Por isso, só tenho que ser grata por as minhas clientes acreditarem no potencial da marca.

Para além disso, foi a possibilidade de já ter conseguido pôr as peças da Seni Jewellery em quatro lojas diferentes em vários pontos do país: MariaChica, em Braga, Salt Store, no Porto, Missus, em Lisboa, e Ourivesaria Pimentel, nos Açores.

Como é que a tua marca faz a diferença?

A Seni Jewellery procura redefinir o que significa ser mulher, apoiamos os valores de força e confiança. Queremos que as nossas clientes se sintam sofisticadas, bonitas e poderosas. Tendo consciência que somos uma marca para as mulheres de hoje, as super-mulheres, ainda colocamos mais esforço, carinho e dedicação na criação de cada peça.

Uma frase que define bem a Seni Jewellery é: A Seni procura redefinir o que significa ser mulher – a força e a ternura, o equilíbrio e a coragem, a graça e a confiança. Acreditamos no poder das mulheres através da expressão e oferecemos coleções que deem ênfase à originalidade e exclusividade.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Available for purchase ✨ . . #joalharia #ondine #porto #lisboa #portugal #mar #praia #verão #aneis #colar #brincos #joias

Uma publicação partilhada por Seni Jewellery (@senijewellery) a

O que ainda falta conquistar?

O meu grande objetivo, como fundadora da marca, é um dia conseguir ter a minha própria loja. Isso seria sem dúvida a minha maior conquista. Gostava também de conquistar outros mercados, como por exemplo expandir para França, Espanha e Inglaterra. Para além de uma marca nacional, quero que a Seni Jewellery seja uma marca internacional.

O que mais precisas neste momento para chegares onde queres?

Quando criei a marca, tinha como objetivo fazer alguma coisa que me desse alegria diariamente. Acredito que para chegar onde quero, no futuro, é nunca perder a alegria e o amor que tenho pelo que faço e pela minha marca. Para além disso, para continuar a fazer o caminho de crescimento, é fundamental ter uma boa comunicação com o público e acima de tudo com os nossos clientes. Posto isto, quero que as mulheres conheçam a marca, que se consigam identificar e que queiram fazer parte da comunidade da Seni Jewellery.

Quais os maiores motivos para comprar português?

Para mim, o mais importante é sem dúvida alguma ajudar o nosso povo e a nossa economia. Mostrar ao mundo que temos muito potencial e talento em Portugal.

Diz-me outra marca/espaço português que te inspire e porquê?

É muito difícil escolher apenas uma marca. Temos produtos e marcas nacionais muito boas. Mas tenho três marcas que têm sido uma inspiração desde o primeiro dia, a Mauî, a Missus e a Mahrla. Quero um dia ser uma marca tão influente como elas.

_ _ _ _

#ELLEstaylocal

Apoiar e dar conhecer projetos portugueses é a missão da rubrica #ELLEstaylocal. Acreditamos que hoje é mais importante, que nunca, comprar português. É importante não deixar que marcas de qualidade se percam na espuma da pandemia.

#ELLEstaylocal: Guaja., A Marca Portuguesa e Cool Que Vai Querer No Seu Armário