Marcas de Luxo Poderão Reeditar Peças Icónicas Graças a Esta App

Será que podemos ouvir um 'amen'? Por: ELLE Portugal Imagem: © Steven Meisel e Alex Wiederin.

O ecrã do seu telemóvel pode estar já repleto de aplicações, mas existe uma que vai querer descarregar mal acabe de ler este artigo. Chama-se Volvita e vem revolucionar a indústria da Moda. Sim, esta não é apenas mais uma app de comunicações, edição de fotografia ou compras. A plataforma, acessível através do computador ao telemóvel, funciona como um baú digital das coleções de designers e marcas como Versace, Alexander Wang ou Stella MacCartney que poderão sair do arquivo e regressar às lojas.

Como?, ouvimo-la perguntar. Depois de viajar no tempo, ao longo de imagens de desfiles e lookbooks – que podem ter mais de 40 anos ou sido captadas apenas no ano passado -, pode escolher uma peça de que goste e juntar-se a uma lista de espera para uma possível reedição. Se houver um grande número de utilizadores que gostavam de voltar a ver esse produto, a fundadora da aplicação, Christina Grammenos, irão entrar em contacto com os criadores e tentar perceber se estes concordam em produzir um número limitado desse item.

«A ideia de juntar uma lista de espera é que isso dê exclusividade a uma potencial reedição», explicou Grammenos ao WWD. «Por isso, se estiver na lista de espera e a marca concordar em reeditar esse novo item, a peça estaria disponível para essa pessoa por um período exclusivo, antes de ficar disponível para os restantes consumidores», continuou.

Com a sustentabilidade em mente

O objetivo desta app é «ajudar as marcas a produzir de acordo com a procura», eliminando, assim, os excessos de produção e cumprindo a meta número 12 das Nações Unidas para a Sustentabilidade, esclarece a Volvita, no seu site.

Para saber que peças poderá, eventualmente, adicionar ao seu guarda-roupa, pode consultar, na aplicação, o calendário de designers cujos itens poderão ser escolhidos, em breve.