As Atrizes de ‘O Sexo e a Cidade’ Vão Receber Mais de $1 Milhão Por Episódio

Casualmente. Por: ELLE Portugal Imagens: © D. R.

Agora que os batimentos cardíacos voltaram à normalidade (quer dizer, será que voltaram? Ou que algum dia irão voltar?), depois de descobrirmos que, passado todo este tempo, O Sexo e a Cidade vai mesmo regressar, queremos saber *tudo* sobre a série. E isso inclui, claro, quantos cosmopolitans vão as atrizes poder beber ou quantos Manolo Blahnik vão poder adicionar ao armário só por voltarem a dar vida a Carrie, Miranda e Charlotte (Samantha Jones, interpretada por Kim Cattrall, ficará de fora).

Tal como deve imaginar, a resposta envolve múltiplos copos e pares de sapatos. Sim, segundo a Variety, Sarah Jessica Parker, Cynthia Nixon e Kristin Davis deverão receber mais de $1 milhão (o equivalente a cerca de €800 mil) por episódio. Um total de $10 milhões pelos dez episódios que And Just Like That terá. É de salientar, contudo, que o trio irá, não só representar, como ser produtoras executivas da série cujas gravações deverão arrancar já no início desta primavera, avança o Deadline.

Valor pouco surpreendente

Apesar de $1 milhão parecer uma quantia exorbitante para cada capítulo da história (principalmente quanto temos em mente que o salário mínimo no nosso país, correspondente a um mês de trabalho, fica bastante abaixo disso), este não é um valor assim tão surpreendente, tendo em conta o impacto da série ao longo do tempo que esteve no ar – e mesmo depois de terminar. Além disso, deve recordar-se ainda que, por exemplo, a HBO Max combinou pagar ao elenco de Friends para o episódio especial, que deverá ser transmitido em março, uma módica quantia de $2.5 milhões a cada um.

Mesmo sem ser em produções especiais ou reboots como os mencionados anteriormente, pagamentos na ordem dos milhões têm sido aparentemente habituais. Basta olharmos para o valor que Reese Witherspoon, Nicole Kidman, Shailene Woodley, Zoë Kravitz e Laura Dern receberam por cada episódio Big Little Lies: $1 milhão. Também Jeff Bridges, Sir Patrick Stewart ou Kerry Washington viram quantias semelhantes chegar às suas contas bancárias com outros grandes projetos para plataformas como a Netflix, Hulu ou HBO.