O Casal Obama Vai Fazer-nos Esquecer Todas As Indecisões De Qual Podcast Ouvir

Barack e Michelle vão produzir podcasts exclusivos para o Spotify. Por: Inês Aparício -- Imagens: © GTRESONLINE.

Os The Buggles podiam cantar que o vídeo matou a rádio, mas, nos últimos tempos, a internet veio ressuscita-la (se é que algum dia a televisão ditou, efetivamente, o fim do áudio). E o crescente número de podcasts é a prova disso. Neste mundo de programas em versão áudio sobre todas as temáticas possíveis e imaginárias, o mais difícil é mesmo escolher um (ou mais) para ouvir. Mas o casal Obama veio facilitar essa decisão.

Barack e Michelle assinaram um acordo com o Spotify para produzir uma série de podcasts exclusivos. Sob a chancela da produtora Higher Ground Productions, o ex-presidente e a ex-primeira dama norte-americanos irão desenvolver, produzir e dar voz a um conjunto de programas.

«Sempre acreditamos no valor do entretenimento. Este ajuda-nos a conectar e a estar mais recetivos a novas ideias», afirmou o ex-presidente norte americano, em comunicado citado pelo Los Angeles Times. «Estamos entusiasmados (…) porque os podcasts oferecem uma oportunidade extraordinária para encorajar um diálogo construtivo, fazer as pessoas sorrir, refletir e, esperamos, aproximar-se um pouco mais», completou.

Ainda pouco se sabe sobre o conteúdo destes podcasts, assim como quantos serão produzidos, os seus nomes ou temáticas centrais destes. Mas não nos surpreenderíamos se pelo menos um fosse sobre música ou literatura, ou não seria hábito de Obama partilhar os seus livros preferidos e playlists do Spotify desde a altura em que estava à frente dos EUA.

Envolvidos na cultura em várias frentes

Apenas um ano após a saída de Barack Obama da presidência norte-americana, substituído, então, por Donald Trump, a agenda do casal continuava a dar sinais de não abrandar. Em 2017, este assinou um contrato com a editora Penguin Random House, que previa a edição de um livro assinado por cada um deles. No final do ano seguinte, Michelle publicou o seu livro de memórias, Becoming: A minha História, que rapidamente se tornou na obra mais vendida de 2018.

Também no ano passado, o ex-presidente e a ex-primeira dama assinaram um contrato com a Netflix para produzir filmes, séries e documentários para o serviço de streamingO objetivo era ajudar a criar novas e diferentes vozes na indústria do entretenimento, promovendo uma maior empatia e compreensão entre as pessoas. A W Magazine avança que deste acordo surgirão programas educacionais para todas as idades, assim como um programa centrado em moda, o Bloom.