O Ovo da Páscoa Mais Caro Do Mundo É Uma Carteira

O coelho da páscoa já pode descansar porque encontrou o ovo mais valioso de todos. Por: Rossana Mendes Fonseca -- Imagens: ©Instagram @debbie_wingham

Muitos objetos da nossa atenção foram já intitulados de ‘os mais’ caros, belos, estranhos, pequenos ou maiores do mundo. Depois de todos os excessos aos quais Simon Porte Jacquemus nos habituou, encontrámos um novo objeto de desejo. A carteira mais cara do mundo.

Debby Wingham é a autora da carteira mais cara do mundo, no valor de $6.7 milhões. A designer britânica revelou a sua obra mais recente em The Wendy Williams Show, no dia 8 de abril.

«Diamonds are a girl’s best friend»

Responsável também pelo bolo e pelos sapatos mais caros do mundo, Debby Wingham falou no talk show americano dos detalhes dos elementos que compõem esta sua obra. Começa pelos brincos da Cartier que já pertenciam à cliente. A criadora revela que só os brincos, que se tornaram os fechos da carteira, têm o valor de $30,000.

No meio de milhares de diamantes incrustados, destacam-se três diamantes rosa. Cada um destes raríssimos diamantes tem o valor de $1,5 milhões.

A envolver o ovo há uma estrutura dourada assimétrica. Esta estrutura assemelha-se a um cesto e é feita de uma madeira com 800 anos, coberta por ouro de 24 quilates. Este trabalho de mestria e minúcia coube a um joalheiro italiano, Alessandro Galanti, amigo da autora.

Na parte inferior pode ver-se um pouco do ovo original de emu. Este ovo foi revestido com pó de diamante azul, que o tornou mais resistente.

Finalmente, o interior da carteira foi forrado com um lenço da Hermès. O lenço vem de uma coleção passada e, tal como os brincos, foi cedido pela cliente para integrar a carteira.

O ovo da páscoa mais caro do mundo é uma carteira

A carteira remete-nos para um ovo Fabergé. Este objeto de joalharia foi criado no final do século XIX e herdou o nome do seu criador, Peter Carl Fabergé. Feitos de metais e pedras preciosas, estes objetos do tempo da Rússia czarista tinham normalmente pequenas surpresas no interior. Tornou-se hábito dos membros da família imperial russa trocarem entre si ovos Fabergé por altura da páscoa.

 

 

View this post on Instagram

 

Here she is the most current #worldsmostexpensive it’s an art piece that can also be used as a bag created for a fabulous lady in the USA, this WME was so different to any in the past because it was made from repurposed materials, the core of it though is a REAL EMU egg. Of course it’s drenched in diamonds the inside of the egg is linned with a Hermes scarf, it opens n closes using 30k #cartier earrings and the 24 carat gold exterior is a process that award winning 24carat gold artist @alessandro__galanti does exclusively using aged wooden surfaces to pour the gold and create this amazing finish #genuis I needed a finish that still showed the beauty of the real egg inside. Let’s just say I’m shattered and over whelmed but was such an honour to reveal this master piece on THE WENDY WILLIAMS SHOW yesterday, she is such a fantastic lady #art #algalux #artist #gold #highend #luxuryprojects #luxelife #highlife #egg #moderndayfaberge #faberge #contemporaryart #mediatakeover #colab #bling #diamondartist #diamondsareagirlsbestfriend #wendywilliams #artistsofig #artistoftheworld #finejewellery #luxury #bag #purse #handbag #worldsmostexpensivebag #contemporaryartist

A post shared by Debbie wingham (@debbie_wingham) on

 

Debbie Wingham não revela o nome da cliente que lhe fez esta encomenda. Contudo, a criadora da carteira mais cara do mundo dá algumas pistas relativamente a quem poderá ser. «Está na casa dos 40, vive em Nova Iorque, tem um papel importante no setor imobiliário e é fabulosa», diz a Wendy Williams.