Morreu Toni Morrison, a Primeira Negra a Ganhar o Prémio Nobel da Literatura

A escritora faleceu aos 88 anos. Por: Bárbara Pires -- Imagens: © D. R.

Morreu esta terça-feira, dia 6 de agosto, Toni Morrison, a primeira mulher negra a ganhar o Prémio Nobel da Literatura. A escritora americana morreu aos 88 anos. A notícia foi confirmada por um amigo à Agência AP. As causas da morte não foram reveladas, sabe-se apenas que escritora estava hospitalizada. Toni Morrison deixou um legado na História dos Estados Unidos e na História da literatura.

Quando ganhou o Prémio Nobel foi descrita como «[uma escritora] cujos romances são caracterizados pela força visionária e presença poética que concede um aspeto essencial à realidade americana».

A vida de Toni Morisson dava um livro

O seu nome verdadeiro era Chloe Ardelia Wofford e nasceu a 18 de fevereiro de 1931, em Lorain, no Ohio. Além de  autora foi também professora na Universidade de Princeton.

Deixa assim várias obras e ganhou vários prémios além do Nobel. Foi galardoada com um Pulitzer e um American Book Award em 1988 pelo romance Beloved, adaptado ao cinema com um filme com o mesmo nome, tendo  como protagonista Oprah Winfrey. O livro conta a história verídica que aconteceu no Kentucky em 1856, é sobre uma ex-escrava que mata a sua própria filha ainda bebé para que esta se livre ao destino da servidão.