A Disney Foi Acusada de «Colonialismo» Por Ter Registado o «Hakuna Matata»

Ironicamente, a expressão significa «não há problema». Por: Inês Aparício -- Imagens: © D. R.

Parece que conseguimos ouvi-los a cantar «os teus problemas, são para esquecer; para sobreviver, tens de aprender. Hakuna Matata» em O Rei Leão. A música tornou-se num clássico da Disney, cantada especialmente em momentos difíceis como o que Simba vivia na altura em que Timon e Pumba lhe ensinavam o seu lema. Nessa ocasião, os dois amigos explicavam o significado da expressão «Hakuna Matata» ao pequeno leão, definindo-a «sem problemas». Mas o que tem problema para a população swahili — residente em várias partes do continente africano — é a apropriação desta. Tanto que foi feita uma petição com o objetivo de levar a Disney a retirar  o registo da propriedade intelectual ou criativa da expressão. Nessa, Shelton Mpala, o criador do abaixo-assinado, acusa a Disney de «colonialismo e roubo», depois de a empresa de animação ter patenteado a frase de origem swahili.

«A Disney não pode registar algo que não inventou», defende Shelton Mpala. «O termo ‘Hakuna Matata’ não é uma criação da Disney, logo não será uma violação da propriedade intelectual ou criativa, mas sim um assalto à população swahili e à África como um todo», sublinha.

Com 73.086 assinaturas (até à data da publicação do artigo), a petição surge após o anúncio da nova versão do filme O Rei Leão, que ganhará uma live-action a tempo do verão. É, de acordo com o abaixo-assinado, até essa altura que a Disney deverá abdicar da propriedade da expressão — registada em 2003 — para evitar que seja utilizada em roupa e calçado.

O significado da expressão

Assim como é explicado no filme, «Hakuna Matata» é uma expressão da língua swahili — dialeto usado em zonas do Quénia, Tanzânia, Uganda e na República Democrática do Congo — que significa «sem problemas». Enquanto que a palavra «hakuna» traduz literalmente «não há aqui», «matata» significa «problemas».

Antes de se tornar conhecida em O Rei Leão, a frase popularizou-se em 1982 com a música Jambo Bwana, dos Them Mushrooms, cuja letra incluía o «Hakuna Matata».

Outras situações semelhantes

De acordo com o jornal The Guardian, a Disney tentou também registar o termo «Dia de Los Muertos» para fins comerciais, aquando do lançamento do filme Coco. No entanto, a empresa acabou por desistir de o fazer, devido aos protestos que se registaram online. O título do filme de animação terá sido, deste modo, alterado, nota a publicação britânica.