Como Fazer Sardas Falsas Que Parecem Mesmo Verdadeiras

Numa altura em que as imperfeições são para ser abraçadas, ter sardas, verdadeiras ou falsas, é super cool. Por: Margarida Brito Paes -- Imagens: © D.R

Nos anos 90 a única pinta que era permitida fazer na cara era para imitar o sinal da Cindy Crawford. Hoje as pintinhas no rosto querem-se em todo o lado. As sardas estão na moda, e sejam verdadeiras ou falsas são muito bem-vindas.

Nesta época em que abraçar as diferenças e imperfeições são palavras de ordem, as sardas foram vistas nas principais semanas de moda. E não, nem todas as modelos eram ruivas e tinham pintinhas naturais na pele. Grande parte das peles sardentas, e lindas, que vimos nos desfiles foram feitas com o auxílio de maquilhagem. O que é uma ótima notícia, quer dizer que pode recriar o look em casa. A ELLE esteve à conversa com Paulo Almeida, Diretor de Formação da M.A.C Europa, para saber como se consegue este look de beleza.

«Há muitas maneira de fazer sardas falsas. A maneira mais fácil e acessível para toda a gente é pegar no lápis de sobrancelhas e começar a fazer pintinhas no rosto

‘O meu lápis é melhor que o teu’, diz a sobrancelha ao olho

«Porquê?» foi a pergunta que nos assaltou. É que também é possível conseguir um look de sardas com recurso aos lápis castanhos de olhos.

«Os lápis de sobrancelhas, que podem ser em lápis ou gel, têm cores com um  tom mais cinzento e por isso pigmentam menos, é mais subtil. Como os tons são castanhos mais acinzentados que dão um acabamento mais natural. A cor é de facto mais parecida com a dos sinais da pele», explicou o maquilhador. E nós temos de concordar que faz sentido.

No entanto, se não usar lápis de sobrancelhas pode sempre recriar o look com lápis de olhos, só tem de esbater mais a cor para que não fique tão intensa.

Como se devem distribuir as pintas pela cara

A desordem é a ordem. Segundo Paulo Almeida quanto mais desordenadas e espalhadas pelo rosto, mais naturais vão parecer as sardas. «Naquelas zonas onde achamos ridículo pintar sardas é onde devemos as pôr porque fica mais natural».

Mas há um truque para que ninguém desconfie que não nascemos sarapintadas: « usar cores diferentes e tamanhos diferentes. Primeiro devem fazer-se os pontos maiores sempre no rosto todo e só depois os mais pequenos. Devemos manter um dedo limpo para esbater os pontos e atenuar um pouco a cor».

Quando as marcas da pele se tornam parte da maquilhagem

Isto é tudo o que precisa de saber para fazer sardas falsas que parecem naturais. Não se esqueça que todos os produtos líquidos, como base e corretor, devem ser feitos antes de pintar as sardas. Já um pouco de blush ou bronzeador pode deixar para ser aplicado por cima das sardas.

Este look de beleza também é ótimo para esconder as imperfeições do rosto, transformando as marca de borbulhas e pequenas manchas numa parte das suas sardas.

Veja na galeria alguns lápis de olhos e sobrancelhas perfeitos para fazer sardas falsas.