A L’Occitane Quer Utilizar Apenas Embalagens de Plástico Reciclado Até 2025

A marca de cosméticos francesa juntou-se à Loop Industries para conseguir atingir esta meta. Por: Inês Aparício -- Imagens: © D. R.

O objetivo da L’Occitane é claro: até 2025, a marca de beleza francesa quer ser integralmente verde. E para isso, quer alterar a forma como os seus produtos são revestidos, passando a utilizar apenas embalagens sustentáveis. Assim, juntou-se à Loop Industries, uma empresa inovadora na área da tecnologia que cria plástico mais amigo do ambiente, de modo a tornar possível a conquista desta meta.

«A L’Occitane sempre fora bastante consciente do impacto das embalagens de plástico e da importância fundamental do eco-design e da reciclagem, mas, mais recentemente, sentimos que precisavamos de acelerar [o combate ao plástico]», explicou Raphaelle Archambeaud-Sicot, diretor dos departamentos de desenvolvimento sustentável e responsabilidade social do grupo internacional de cosméticos naturais, à Glossy. Ao site, este revelou ainda que a procura por uma colaboração como esta era uma prioridade da L’Occitane há aproximadamente dois anos.

Desta parceria resultará a utilização de embalagens criadas a partir de plástico reciclado, que serão a totalidade do revestimento dos produtos daqui a seis anos. De momento, apenas 30% dos cosméticos da marca são feitos de plástico reciclado, todos eles itens com embalagens de cores mais escuras, sublinha a Glossy.

«A poluição com plástico tornou-se num problema universal gigante e, por isso, queremos fazer parte do esforço global para reduzi-la. É crítico, quer para nós como para os nossos funcionários ou para os nossos consumidores», adiantou Raphaelle Archambeaud-Sicot. «Esta união de esforços irá possibilitar o fecho deste ciclo, no que diz respeito às embalagens de plástico», completou.

Uma cosmética mais verde

A L’Occitane segue agora os passos já dados por outras marcas de beleza. A Lush é uma das empresas que coloca a tónica no #zerodesperdício, procurando dizer «não» às embalagens de plástico – ou ao revestimento no geral. Prova disso, são os batons vegan sem embalagens em 40 tons diferentes que lançou no final do ano passado ou o iluminador em stick que promete dar luz a todo o rosto.