Como Cortar a Franja em Casa Durante Esta Fase de Isolamento Social

E aguentar mais uns dias até o seu cabeleireiro a conseguir salvar. Por: ELLE Portugal Imagens: Imaxtree

No dia 18 de março, aquando da declaração do estado de Emergência Nacional em Portugal, todos os estabelecimentos comerciais declarados como não essenciais foram obrigados a encerrar portas por tempo indeterminado. Nesta categoria estão incluídos os cabeleireiros e os centros de cosmética. Claro que estas medidas foram tomadas por questões de segurança, mas neste preciso momento já passou quase um mês que está em casa. Já deve ter limpado todas as divisões, terminado todos os projetos de bricolage que estavam inacabados e entre as horas de teletrabalho, homeschooling e as tarefas do dia-a-dia, acabou por olhar para o espelho e pensou para si própria: “como vou cortar a minha franja”?

Será que cortar a franja em casa é imperativo?!

Antes de avançarmos, queremos que pare para refletir se precisa mesmo de cortar o cabelo, se não pode esperar pelo dia em que o seu salão de cabeleireiro volte a abrir as portas. E que dia bonito este pode ser: voltar a ver e estar com pessoas, pôr a conversa em dia e contar todas as peripécias desta quarentena, enquanto os seus fios são cortados por um profissional que sabe o que está a fazer, que tem todo o equipamento adequado para a tarefa em questão e… Já dissemos que o hairstylist tem experiência e sabe o que está a fazer? Essa parte é muito importante.

Um corte de cabelo é algo bem mais complexo do que pegar numa tesoura de cozinha ou da caixa de trabalhos manuais. Deixe as mudanças radicais para a visita ao seu hairstylist, mas se a sua franja está comprida de mais e começa a entrar nos olhos ou a irritá-la para além do tolerável, abrimos uma exceção, no que diz respeito, às aventuras dos auto-cortes caseiros.

Há três passos importantes para iniciar esta aventura:

1º. – É possível que o seu cabeleireiro possa estar a fazer consultas através de videochamada. Consulte-o antes de avançar; ele/ela pode ter dicas valiosas para a ajudar a aguentar até conseguir visitar o salão para o corte a sério. Ao mesmo tempo, está a apoiar uma pessoa que se encontra impossibilitada de exercer a sua profissão nas condições normais.

2º. – Junte o material adequado: uma tesoura, um pente fino e uns ganchos largos ou um elástico para manter os fios compridos afastados do rosto. Uma tesoura qualquer, como mencionámos anteriormente, e como  a Tóquio de La Casa de Papel nos mostrou, é um grande não. As tesouras profissionais são afiadas, permitindo um corte limpo sem provocar danos ao fio.  Se não tiver nem puder adquirir uma tesoura própria, procure uma que tenha em casa e que esteja afiada e limpa. Sim, a tesoura que tem na cozinha continua a não servir.

3º. – Conheça o seu próprio cabelo. Aquilo que pode resultar no seu cabelo, pode não ser necessariamente o que resulta na sua amiga ou naquela influenciadora que viu recentemente. Sabemos que a maior parte dos hairstylists cortam e aparam as franjas com o cabelo molhado. Eles fazem-no porque têm maior controlo e porque, mais uma vez, têm formação para o fazer. No caso de não ter experiência, talvez seja melhor cortar a franja com o cabelo seco. A tentação de alterar a forma inicial pode revelar-se menor. Divida a franja em secções. Depois, pegue numa das mechas com um pente fino e utilize-o como uma barreira para a sua tesoura e siga a forma natural da sua franja.

Tutoriais que podem ajudar

Na eventualidade do seu hairstylist não estar disponível para atendê-la, tem sempre o Youtube e o Instagram com mil e um tutoriais. Seja criteriosa e escolha um vídeo que seja feito por um profissional ou de alguém que tem um cabelo similar ao seu, no que diz respeito ao comprimento e à textura. Até lá, selecionámos dois tutoriais que já foram utilizados por membros da equipa ELLE para a ajudar. Ative as legendas no Youtube ou abra a app do Instagram e boa sorte.

Violette e a French Girl Fringe

As ondas relaxadas e a franja a tapar as sobrancelhas fazem parte da imagem de marca de Violette, a maquilhadora profissional e colaboradora da rede ELLE. E é a própria que faz a manutenção do comprimento da sua franja. Duas dicas muito importantes da maquilhadora: ao minuto 1.24, Violette diz que apara os fios a seco porque quer respeitar a forma natural do cabelo, dado que ele é muito volumoso por natureza. Se optasse por cortar com o cabelo molhado, depois de seco o resultado final podia ser uma surpresa. Nesta fase da nossa vida, não precisamos de mais surpresas. Para além disso, a makeup artist faz cortes pequenos e detalhados. Perca um pouco de tempo e tente seguir a forma da sua franja. Lembre-se: só quer aparar ligeiramente para os cabelos não lhe tirarem a visibilidade e a paciência.

A escolha de equipamento, a tesoura pequenina, é questionável, mas quem já experimentou, comprova que o tamanho reduzido faz com que seja mais fácil concretizar.

Hadid Approved

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Use responsibly✂️ (@ hairstylists don’t worry they’re gonna appreciate you even more after this)

Uma publicação partilhada por Founder/Hairstylist/DogMom (@jenatkinhair) a

Se o seu cabelo é liso por natureza e com uma textura média, pode agradecer a Bella Hadid pelo tutorial de Jen Atkin. A cabeleira e empresária, que conta como suas clientes as integrantes da família Kardashian, Chrissy Teigen e as irmãs Hadid, fez um vídeo de passo-a-passo a pedido da modelo para aparar a franja longa e publicou na sua conta do Instagram, onde conta com mais de três milhões de seguidores. Muna-se dos equipamentos necessários, relaxe os ombros e comece. Note que, neste tutorial, Atkin molha o cabelo antes de o cortar. É uma abordagem mais arrojada e perigosa até para iniciantes, para além de que os fios mais compridos não exigem uma manutenção urgente, a sermos sinceros. Mas serve de prova do quão complexo pode ser um corte: são precisos ângulos, paciência e equipamento.

Lembre-se que esta é uma solução passageira. Se correr mal, pense que vai ter contacto social muito reduzido nos próximos tempos e vai ter tempo para o cabelo crescer uns milímetros. E ligue ao seu cabeleireiro, diga-lhe que tem saudades dele/dela e faça já uma marcação para quando o salão voltar a abrir.