Pela Primeira Vez, Futebol Profissional Português Vai Ter Uma Mulher a Arbitrar

Vanessa Gomes entra para a história como primeira mulher a apitar uma partida masculina em Portugal. Por: Inês Aparício Imagens: © Jannik Skorna, no Unsplash.

Às 20 horas desta quinta-feira, 10 de setembro, história será feita no futebol português. É a essa hora que começa, no estádio António Coimbra da Mota, o jogo entre o Estoril Praia e o Arouca e no qual estará, pela primeira vez, uma mulher como árbitra assistente. Vanessa Gomes foi nomeada pelo Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol para o recomeço da II Liga masculina. Esta irá fazer parte da equipa de arbitragem liderada por João Malheiro Pinto, que integra ainda Ricardo Luz e André Pereira, enquanto quarto árbitro.

Com 33 anos, Vanessa Gomes atua no universo desportivo desde 2007, ainda que apenas no futebol feminino. De acordo com o Jornal de Notícias, a árbitra é uma das três figuras do género feminino que passaram os testes da Federação Portuguesa de Futebol para pertencerem aos quadros masculinos da arbitragem. Além da licenciada em Psicologia, Cátia Tavares e Andreia Sousa poderão apitar uma disputa na época 2020/2021.

Fora das quatro linhas portuguesas

Apesar de ser a primeira mulher a arbitrar uma partida nos campeonatos profissionais portugueses, não é uma estreia a nível mundial. Desde 2017, Bibiana Steinhaus tem desempenhado o cargo de árbitra principal nos jogos da Bundesliga, a primeira divisão do campeonato alemão.