A Filha do Fundador da Furla Fala Sobre a Nova Estratégia e o Futuro da Marca

A Furla foi fundada em 1927 e homenageou a data com uma nova carteira. Por: Margarida Brito Paes Imagens: © D. R.

Giovanna Furlanetto é filha do fundador da Furla e hoje é ela quem assume as rédeas da marca de carteiras. 2019 foi um importante ano para a marca, além da introdução de um novo logotipo, a Furla apostou numa nova estratégia comercial. Em setembro, durante a semana de moda de Milão, a Furla apresentou as suas propostas para a primavera-verão 2020, mas disponibilizou de imediato algumas das propostas em diversos países. Um caminho que marca o início de uma aposta no sistema see now buy now. A ELLE.pt falou com Giovanna Furlanetto para saber mais sobre este novo caminho da marca.

Qual foi a inspiração para a mala Furla 1927?

A Furla 1927, que foi lançada em setembro durante a apresentação de primavera-verão 2020 #furlaillusions, já se está afirmar como a nossa nova mala icónica. Esta é uma linha simbólica, porque é o primeiro dos nossos produtos com o Arco Furla como fecho, representando verdadeiramente o ADN da marca. O seu nome Furla 1927 leva-nos de volta ao ano em que a empresa foi fundada em Bolonha pelo meu pai, sublinhando os mais de 90 anos de história da marca, o seu ADN distintivo e grande qualidade de manufatura. A Furla 1927 inclui uma seleção de elegantes carteiras tiracolos e sofisticados sacos, em nude, burgundy, conhaque e preto.

Porque é que apostaram no see now buy now e como correu?

Hoje em dia, através das redes sociais, a moda é acessível a uma audiência maior. Os tempos em que a moda era decidida pelos designer do alto do seu pedestal há muito que acabou. Os produtos são apresentados nas semanas de moda, vistos no Instagram e imediatamente desejados pelos consumidores. O sistema see now buy now é fantástico porque dá a possibilidade aos amantes da nossa marca de adquirir algo imediatamente, no momento em que os veem e se apaixonam por eles, sem terem de esperar pela próxima estação e que os produtos cheguem às lojas. Por ocasião da semana de moda em setembro apresentamos o nosso must-have Furla 1927. Ficou logo disponível uma coleção limitada no site da marca e em lojas selecionadas, o resultado foi fantástico e continua a ser.

 Essa é uma estratégia para continuar?

Estou muito orgulhosa de dizer que temos interessantes e excitantes projetos planeados, mas preferimos falar deles quando todos os detalhes estiverem finalizados, queremos surpreender os fãs da nossa marca. No que diz respeito ao see now buy now, a ativação de setembro foi realmente um sucesso e acredito que é muito importante fazer com que os nossos objetos de desejo possam estar imediatamente disponíveis para os nossos consumidores, por isso estamos certamente abertos a fazer algo semelhante no futuro.

A Furla também mudou de logótipo recentemente, porquê?

Nós quisemos evidenciar a importância da nossa herança e do ADN italiano da nossa marca também através do nosso logotipo Furla Since 1927 Italy. A Furla é uma história de família, e uma de sucesso. O novo logo sublinha a nossa história, enquanto olha para o futuro. Escolhemos a fonte sans serif, uma fonte sem serifas, por ser uma homenagem ao modernismo. Um tipo de letra mais elegante e harmonioso. A Furla é uma empresa dinâmica, em constante evolução, sempre inovando com curiosidade.

Qual foi a inspiração para o novo logótipo?

A nossa equipa, quando criou a coleção atual, quis ir buscar inspiração a um elemento simbólico e com grande impacto visual, que pudesse evidenciar os valores da marca e a sua história. O arco foi escolhido como um elemento decorativo e é fio condutor em toda a coleção SS20. É uma celebração da nossa importante história, dos nossos valores, que incluem criatividade e manufatura. O nome do logótipo Furla Since 1927 Italy por si só sublinha a nossa origem italiana, o nosso conhecimento e savoir faire. O ponto inicial para o logo foi o arco da Fondazione Furla em Bolonha. Além disso representa a inclusividade e uma porta aberta para o novo universo Furla. O logótipo assume, pela primeira vez na história da Furla, um significado marcante. Isto permite que as malas da Furla se tornei imediatamente identificáveis – uma assinatura que merecíamos depois de anos de designs bem sucedidos.

Esta coleção de inverno recupera várias formas e cores das arteiras clássicas. O regresso às carteiras mais clássicas de linhas mais simples é tendência?

As carteiras clássicas nunca desapareceram. A nossa coleção de outono inverno 2019/20 tem formas bonitas, sofisticadas e essenciais em cores ricas. Muito Furla, eu acho. Neste momento em particular, parece haver um desejo geral para design mais minimais, excelentes acabamentos e criatividade. Todos os nossos produtos representam esses valores.

 O que define uma boa carteira?

Dentro da moda e do design, a beleza e funcionalidade tem de coexistir. Para mim é essencial que uma carteira seja confortável, funcional, e usável ao mesmo tempo que tem um design bonito. A nossa equipa de design está sempre a estudar a anatomia humana, e estão constantemente a investigar  novas técnicas para assegurar que os nossos produtos refletem os mais altos padrões de funcionalidade sem perder a beleza.

 O que devemos ter em atenção quando compramos uma carteira?

Como mencionei, as carteiras tem de ser confortáveis e práticas, a companheira perfeita para todas as nossas necessidades. Também têm de ter excelente qualidade e um design bonito. Pessoalmente eu escolho carteiras com uma elegância intemporal, que possam ser usadas estação após estação sem perderem o seu encanto.