Pantone Cria Novo Tom Para Acabar Com o Estigma Em Torno da Menstruação

A tonalidade, chamada Período, pretende ser um reflexo de «um fluxo regular e empoderador». Por: Inês Aparício Imagens: © D. R.

Os anos passam e existe (pelo menos) uma coisa que se mantém quase inalterada: o estigma em torno da menstruação. Por mais conversas, chamadas de atenção e tentativas de alterar a forma como a sociedade olha para algo tão natural como o período, o mundo parece caminhar lentamente em direção a uma atitude de normalização, principalmente quando, por exemplo, o afastamento das mulheres para «cabanas menstruais» é ainda uma realidade em países como o Nepal. No entanto, a Pantone quer terminar com este preconceito, tendo, assim, desenvolvido um novo tom de vermelho, chamado Período.

Descrito como um reflexo de «um fluxo regular e empoderador», Período é o resultado de uma colaboração com a marca sueca de produtos de higiene feminina, Intima. Esta faz parte da campanha global ‘Seen+Heard’, que pretende «tornar a menstruação mais visível e normalizar uma das funções corporais mais naturais», esclareceu o instituto da cor, nas redes sociais.

«Um tom de vermelho ativo e aventureiro, Período encoraja as pessoas que menstruam a sentirem-se orgulhosas de quem são. A assumirem o seu período com autoconfiança; a erguerem-se e celebrarem apaixonadamente a força entusiasmante e poderosa com que nascem; a urgirem todos, independentemente do género, a sentir-se confortáveis para falarem espontânea e abertamente sobre esta função pura e natural do corpo humano», escreveu a Pantone.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Presenting “Period”, a new red shade created to break the stigma around menstruation and promote period positivity. Swedish healthcare brand @intimina came to Pantone Color Institute to develop this custom color in support of their global campaign to make menstruation more visible and normalize this most normal of bodily functions. “An active and adventurous red hue, courageous Period emboldens people who menstruate to feel proud of who they are. To own their period with self-assurance; to stand up and passionately celebrate the exciting and powerful life force they are born with; to urge everyone regardless of gender to feel comfortable to talk spontaneously and openly about this pure and natural bodily function.”

Uma publicação partilhada por PANTONE (@pantone) a

De caráter solidário

Além da componente de sensibilização, a Intimina decidiu fazer uma doação para a Action Aid, no valor de £2.000 (cerca de €2.191), avançou o Público. Ao The Guardian, a diretora de políticas da associação que trabalha com mulheres e crianças a viver na pobreza, Jillian Popkins, recordou que, «em todo o mundo, atualmente, milhões de mulheres e raparigas ainda sofrem devido ao estigma associado à menstruação». «Muitas meninas faltam a dias de escola importantes ou acabam mesmo por abandonar completamente [a escola], o que é uma das razões para que tantas mulheres vivam na pobreza durante toda a sua vida, globalmente. Sem o estigma em torno do período, mais mulheres poderiam escapar à pobreza, atingir o seu potencial e fortalecer as suas comunidades», sublinhou, concluindo que «esta importante campanha irá ajudar a mudar» esta realidade.