Marcas Apoiam Luta Contra A Violência Das Mulheres E Cuidados Com Os Bebés

Enquanto que, neste mês, a Jean Louis David se associa à APAV, a Chicco junta-se ao Hospital Garcia da Horta. Por: Inês Aparício -- Imagens: © Imaxtree.

O mês de setembro não vem apenas acompanhado pelo regresso à rotina e, no caso dos mais novos, à escola. Para marcas como a Jean Louis David e a Chicco, é também altura de apoiar causas solidárias, independentemente da sua vertente social.

Mais uma vez, a Jean Louis David associa-se a uma causa que coloca o género feminino no centro. Desta vez a apoiar a luta contra a violência, esta junta-se à Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) para a 10ª edição das Hair Fashion Weeks, uma iniciativa criada já em 2014 para democratizar os serviços de cabeleireiro e chamar a atenção para questões relacionadas com a violência doméstica ou o cancro da mama.

Até dia 22 de setembro, nos salões de cabeleireiro da marca – exceto o de Torres Vedras e os espaços Well’s -, parte do valor dos serviços de corte de cabelo, que terão preços especiais durante esta semana, reverterá para a APAV. Dos €20 deste – que inclui corte de cabelo e brushing/finish -, €2 serão entregues à associação de apoio às vítimas de violência, que foi, na semana passada, distinguida com o prémio D. António Francisco dos Santos pelo seu trabalho ao longo dos anos.

«Nesta 10ª edição das Hair Fashion Weeks esperamos ultrapassar a barreira dos €100.000», frisou Rodrigo Ortega, marketing manager da Jean Louis David, em comunicado enviado à redação. O valor obtido irá ser adicionado aos já €73.440,15 que a marca conseguiu doar nos últimos quatro anos a instituições de apoio a mulheres.

Chicco ajuda a equipar unidades neonatais

Já a Chicco, reafirma o seu compromisso com as unidades neonatais, através do projeto Chicco Dá Vida. Com esta iniciativa solidária, a marca entrega, desde 2006, 1% das vendas das lojas dos meses de agosto e setembro a uma unidade de neonatologia portuguesa. A escolhida, este ano, foi o Hospital Garcia da Horta, em Almada, que irá receber os equipamentos conseguidos com essa percentagem das aquisições nos estabelecimentos da marca, ajudando as equipas médicas a cuidar da vida dos bebés, desde os primeiros minutos de vida destes.