Dwyane Wade Fala Sobre Ser Pai de Criança Que Não Se Identifica Com o Género

O ex-basquetebolista norte-americano mostrou como foi importante informar-se sobre a comunidade LGBTQI. Por: Inês Aparício Imagens: © GTRESONLINE.

Foi para promover o seu documentário DWade: Life Unexpected – que tem estreia marcada para dia 23 deste mês – que Dwyane Wade, o ex-jogador de basquetebol norte-americano, surgiu no programa de Ellen. Contudo, a película não foi o único tema de conversa no The Ellen DeGeneres Show. Neste, o profissional da NBA revelou ainda como é ser pai de uma criança que não se identifica com o género com que nasce, tal como aconteceu com a sua filha Zaya.

«Eu e a minha mulher, Gabrielle [Union], somos pais orgulhosos de uma jovem que faz parte da comunidade LGBTQ+. E somos, também, aliados orgulhosos», começou Wade por dizer. «Levamos os nossos papéis e responsabilidades enquanto pais muito a sério. Por isso, quando uma criança chega a casa com uma pergunta ou um problema, devemos responder-lhe com a melhor informação que conseguirmos. E isso não muda quando a sexualidade está envolvida», continuou, acrescentando que teve, em conjunto com a esposa, de se informar bastante sobre o assunto quando Zaya – que nasceu como rapaz, sob o nome de Zion, como esclareceu à plateia – lhes revelou gostar que se referissem a ela com pronomes pessoais femininos.

Uma das formas de compreenderem esta nova realidade, foi através de conversas com amigos que fazem parte da comunidade LGBTQI, como os atores de Pose, série conhecida pelo seu elenco inclusivo. Além disto, o casal começou a trabalhar em conjunto com a organização GLSEN, que procura colocar um ponto final no bullying e discriminação contra estudantes LGBTQI nos Estados Unidos.

Do programa às redes sociais

Ainda que numa plataforma diferente, Gabrielle Union uniu-se, já no final do programa, à conversa. No Twitter, partilhou um vídeo em que apresentava a filha. «Conheçam a Zaya. Ela é compassiva, amorosa, inteligente e estamos muito orgulhosos dela», escreveu na descrição do clip, em que podemos ver a jovem a falar com Dwyane Wade sobre a importância de poder mostrar o ‘verdadeiro eu’.