O Que Pode Comprar Para Apoiar A Luta Contra O Cancro da Mama

O mês de outubro é dedicado à sensibilização da sociedade para esta doença. Imagens: © D. R.

O rosa pode ter sido instituído por Regina George, em Mean Girls, às quartas-feiras, mas outubro também se pinta nesta cor fora do filme. Este é o mês de sensibilização e angariação de fundos para a investigação do tratamento e cura do cancro da mama. O conhecido conhecido Pink October (em português, outubro rosa).

Para o assinalar, são várias as marcas que desenvolveram campanhas de sensibilização para este que é, de acordo com a Liga Portuguesa Contra o Cancro, o tipo de cancro mais comum entre as mulheres (não tendo em conta o cancro da pele). Ainda segundo a associação, em Portugal, são detetados cerca de 6.000 novos casos, anualmente, e 1.500 mulheres morrem com esta doença.

Isdin

O objetivo da Isdin é, especialmente durante o mês de outubro, aumentar a consciencialização do género feminino para o cancro da mama, ao mesmo tempo que apoia a investigação para a prevenção e tratamento desta doença. Assim, relançou a campanha Juntas Contra o Cancro de Mama, em parceria com as Farmácias Portuguesas.

Nesta, por cada unidade vendida da linha Woman ou de Ureadin Rx Rd, uma loção protetora específica para peles que foram previamente submetidas a radioterapia, a o laboratório farmacêutico internacional doará €1 ao Fundo iMM-Laço, que angaria fundos e apoia anualmente novos projetos de investigação na área do cancro da mama no Instituto de Medicina Molecular João Lobo Antunes (iMM).

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por ISDIN Love your skin (@isdinportugal) em

Parfois

Quem também relançou uma campanha de apoio à luta contra o cancro da mama foi a Parfois. Esta trouxe de volta os lenços da Butterfly Effect, enquanto símbolo de união. Desta vez, estampou-os com motivos inspirados em borboletas, ora em tons de bordô, preto e laranja, ora em bordô, branco e verde. A totalidade das vendas do acessório, disponível em polysatin ou algodão, reverte para os Institutos Portugueses de Oncologia.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por PARFOIS (@parfois) em

Luís Carvalho

Foi apresentada no dia anterior ao desfile na ModaLisboa e, entretanto, a maioria dos tamanhos já esgotaram. Estamos a falar da t-shirt que Luís Carvalho desenvolveu em conjunto com Tânia Dioespirro, ex-modelo e stylist que descobriu recentemente que tinha um cancro na mama. A peça foi estampada com a expressão «don’t be shy, touch yourself» (numa tradução literal, «não tenhas vergonha, toca-te»), num formato que se assemelha a uma cicatriz e um seio. Apesar de existirem já poucas unidades, pode ainda adquiri-la no site do criador, no tamanho XL. Esta tem um custo de €35 e 85% dos lucros revertem para a Liga Portuguesa Contra o Cancro.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por LUIS CARVALHO official (@luiscarvalhoofficial) em

Mango

Mais uma vez, a Mango uniu-se à Fundação Fero, que se dedica a promover a pesquisa oncológica translacional. Desta colaboração surgiu uma coleção cápsula composta por duas t-shirts, uma sweatshirt e um necessaire, na qual a expressão «Don’t give up» (em português, não desistas) é estampada. Todos os lucros da linha reverterão para a Fundação Fero. Esta está disponível quer na plataforma online, quer em lojas físicas.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por MANGO (@mango) em

Ralph Lauren

Além de iluminar de cor-de-rosa as fachadas das lojas de Nova York, Beverly Hills, Chicago, Xangai, Londres e Paris, a Ralph Lauren desenvolveu uma campanha na qual junta vários sobreviventes do cancro. A cantora Sheryl Crow, a escritora Suleika Jaouad, Nathan Adrian, Tammy Walker e Mimi Argueta são os protagonistas desta, que leva a conversa sobre a doença para a mesa e ainda para um podcast, sujos episódios serão lançados ao longo do ano.

Mas como estas três ações não eram suficientes para a marca, esta desenhou ainda duas t-shirts e uma sweatshirt. A totalidade das vendas de cada peça será doada ao Pink Pony Fund da Fundação Polo Ralph Lauren ou a uma rede internacional de instituições beneficentes do cancro. Esta coleção está disponível em lojas selecionadas da insígnia e no site da mesma.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Ralph Lauren (@ralphlauren) em

Hard Rock

Este ano é marcado pela celebração de duas décadas de apoio à luta contra o cancro no Hard Rock Café Lisboa. Este volta a lançar a campanha Pinkotober, de modo a angariar fundos para projetos de investigação desta doença. Para isso, desenvolveu t-shirts, bonés, gorros, porta-chaves e outros acessórios de edição limitada. Destas, 10% das vendas revertem a favor da Hard Rock Heals Foundation, que apoia causas de consciencialização do cancro da mama em todo o mundo. Os consumidores podem ainda contribuir com 2 euros na entrada de cada concerto até ao dia 29 de outubro. Este valor será atribuído à mesma causa.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Hard Rock Cafe Lisboa (@hardrockcafelisboa) em

Veja na galeria, em cima, todos os produtos e imagens das campanhas de apoio à luta contra o cancro da mama.